Economia

Xi Jinping afirma que protecionismo está se tornando mais forte

O presidente da China, Xi Jinping, voltou a demonstrar preocupação com o protecionismo econômico global. “O hiato entre norte e sul está aumentando e o protecionismo, se tornando mais forte”, disse durante reunião de líderes com o Conselho Empresarial do Brics e o Novo Banco de Desenvolvimento.

Segundo Xi, o desenvolvimento econômico enfrenta desafios pelo protecionismo. Ele disse esperar que os líderes se mantenham fiéis a princípios do grupo de “promover desenvolvimento econômico justo”.

O presidente chinês destacou que o banco tem ampliado cooperações e avançado na criação de agências regionais. “A economia mundial está passando por ajustes fundamentais. A revolução tecnológica está abrindo novas oportunidades”, disse.

Para Xi, é importante que os países trabalharem pelo bem estar da população e priorizarem grupos vulneráveis. O presidente chinês desejou ainda que os líderes contribuam na “luta contra mudanças climáticas” e pelo “desenvolvimento da economia verde”.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?