Giro

Whatsapp: novas regras de uso começam neste sábado. Brasil ganha mais prazo

Crédito: Reprodução/Unsplash

Um acordo entre a empresa e o Ministério Público Federal deu mais 90 dias para os usuários brasileiros aceitar os novos termos do aplicativo (Crédito: Reprodução/Unsplash)

Os usuários do WhatsApp no Brasil terão mais 90 dias para aceitar os novos termos e condições de uso que a companhia propõe. Os mesmos que já causaram uma onda de críticas contra a plataforma no começo deste ano e já haviam levado a um adiamento da medida no mundo.

O Ministério Público Federal divulgou nesta sexta-feira (14) um acordo com a empresa, desta forma nenhuma conta será encerrada e nenhum usuário no Brasil perderá acesso aos recursos do aplicativo nos 90 dias posteriores a 15 de maio como resultado da entrada em vigor da nova política de privacidade e dos novos termos de serviço nesta data.

+ WhatsApp começa a testar ferramenta de pagamentos no aplicativo

A polêmica da nova política do aplicativo tem a ver com a privacidade: acatar estes novos termos significa aceitar que o aplicativo compartilhe determinados dados com o Facebook, a empresa dona do serviço de mensagens instantâneas, e que este possa lucrar comercialmente com tais informações.

Pelo mundo, as novas condições não terão efeitos práticos na privacidade dos moradores de países da União Europeia, porque o Regulamento Geral de Proteção de Dados do bloco impede o compartilhamento de dados com o Facebook. Mas, mesmo assim, quem não aceitar a nova atualização, mesmo residindo na UE, começará a ter a funcionalidade limitada a partir do dia 15.

Entre as restrições estão não ter como acessar a sua lista de chats ao abrir o aplicativo. Após algumas semanas “de funcionalidade limitada”, a situação do usuário que não tiver aceitado se complicará. Não poderá receber chamadas e o WhatsApp deixará de enviar mensagens e chamadas para o seu telefone, segundo a companhia. As restrições seguirão até que usuários terão que aceitar as novas condições ou não poderão mais usar o WhatsApp. Além disso, se um usuário não usar a plataforma por mais de 120 dias a conta será eliminada.

+ Jaguar Land Rover: a luta contra a falta de confiança dos consumidores

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel