Geral

Wally Funk: 5 lições de determinação da pessoa mais velha a viajar para o espaço

Crédito: Instagram Jeff Bezoz

A piloto veterana dos EUA esperou seis décadas por sua chance de ir para o espaço (Crédito: Instagram Jeff Bezoz)

Wally Funk, 82 anos, é a pessoa mais velha a viajar para o espaço. Mary Wallace “Wally” Funk integrou a tripulação da Blue Origin, empresa de turismo espacial do bilionário Jeff Bezos, em seu primeiro voo comercial. A espaçonave realizou com sucesso sua missão e pousou nesta terça-feira (20) na cidade de Van Horn, Texas. Ao lado de Bezos, homem mais rico do planeta e fundador da Amazon, seu irmão, Mark Bezos, e Oliver Daemen, de 18 anos, Funk realizou o antigo sonho de viajar para fora do Planeta Terra. Funk é um exemplo de determinação e sua trajetória traz várias lições sobre persistência.

Funk nasceu em Las Vegas e cresceu no Novo México. É fascinada por aviões desde criança. Aos nove anos, fez sua primeira aula de vôo e ganhou sua licença de piloto quando era adolescente. Aos 16 anos, Wally abandonou a escola depois de ficar frustrada porque as meninas não podiam estudar mecânica. Aos 20, se formou como aviadora profissional. Funk fez parte de um grupo de 19 mulheres que se inscreveram em um programa de financiamento privado e 13 delas se formaram, ganhando o apelido de Mercúrio 13.

+ Aviadora pioneira Wally Funk é nova “queridinha da América”

Veja 5 lições tiradas da história de Wally Funk:



  1. Não desista dos seus sonhos: a piloto veterana dos EUA esperou seis décadas por sua chance de ir para o espaço;
  2. Seja paciente: Wally ganhou sua licença de piloto quando adolescente e passou por um treinamento rigoroso como parte de um esquema da NASA em 1961, mas nunca havia viajado ao espaço, por ser mulher, apesar de ter um desempenho superior seus correspondentes masculinos;
  3. Seja melhor no que faz: Funk foi a mulher mais jovem graduada na época e seu currículo desde então tem sido pioneiro. Ela passou a servir como a primeira mulher investigadora de segurança aérea para o National Transport Safety Board (NTSB) e é a primeira mulher a ser inspetora da Federal Aviation Administration (FAA) nos Estados Unidos;
  4. Ensine o que sabe: Aos 20, ela se formou como aviadora profissional e aos 21, ela se ofereceu para o programa Mulheres no Espaço da NASA e foi aceita, apesar de estar abaixo da faixa etária de recrutamento de 25-40;
  5. Busque o melhor de si: Funk foi a mais jovem a se formar e estabeleceu um recorde para um teste em tanques de privação sensorial.  Ela deveria flutuar em um tanque de água à prova de som e sem luz. A piloto conseguiu ficar no local por 10 horas e 35 minutos sem alucinar e foi retirada não porque ela havia terminado, mas porque o médico que administrava o teste decidiu que talvez fosse hora de retirá-la.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago