Economia

Volume de serviços prestados cai 0,9% em maio ante abril, revela IBGE

Crédito: Agência Brasil

Serviços: na comparação com maio do ano anterior, houve retração de 19,5% em maio de 2020 (Crédito: Agência Brasil)

O volume de serviços prestados caiu 0,9% em maio ante abril, na série com ajuste sazonal, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Serviços, informou nesta sexta-feira, 10, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado de maio ficou abaixo do piso do intervalo de estimativas captadas na pesquisa do Projeções Broadcast, do sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, de alta de 2,9% a avanço de 10%, com mediana de 5,75%.

Setor de serviços puxa fechamento de vagas em maio, mostra Caged

O IBGE revisou o dado de abril ante março, passando de uma queda de 11,7%, como informado inicialmente, para um recuo de 11,9%.

Na comparação com maio do ano anterior, houve retração de 19,5% em maio de 2020, já descontado o efeito da inflação. A retração foi mais intensa do que as estimativas da pesquisa do Projeções Broadcast, que apontavam para uma queda entre 16,4% e 10,5%, com mediana de -13,5%.

A taxa acumulada no ano foi de redução de 7,6%. Em 12 meses, os serviços acumulam queda de 2,7%.

A receita bruta nominal do setor de serviços caiu 0,7% em maio ante abril. Na comparação com maio de 2019, houve recuo de 18,8% na receita nominal.

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

Tópicos

IBGE maio serviços