Giro

Variante Iota pode ser até 60% mais mortal do que vírus original

Crédito: Arquivo / Agência Brasil

A cepa, chamada de Iota, tem alta taxa de transmissão (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

Uma variante norte-americana do coronavírus pode ser até 60% mais mortal do que a originada em Wuhan, na China. A cepa, chamada de Iota, tem alta taxa de transmissão, de acordo com um estudo realizado por pesquisadores de Nova York e Columbia, nos Estados Unidos.



A variante foi identificada pela primeira vez em novembro de 2020, em Nova York, e não há casos registrados no Brasil, segundo o jornal O Globo. Há a possibilidade de que a variante chegue ao Brasil por meio de viagens internacionais ou em decorrência do descontrole da pandemia.

A Iota escapa do sistema de defesa do organismo em até 10% dos casos e tem taxa de letalidade semelhante à Alfa, que foi detectada pela primeira vez no Reino Unido e é 60% mais mortal do que a original.

+ Pandemia já fez 4,3 milhões de mortos em todo o mundo

As variantes de preocupação são as que, além de se alastrar, elevam a taxa de transmissão, mudam ou aumentam os sintomas, reduzem a efetividade de diagnósticos, vacinas e tratamentos terapêuticos.



Outras pesquisas, porém, apontaram que a Iota não é tão resistente aos tratamentos e ela não aumenta o risco de infecções graves em pessoas imunizadas ou que já tiveram a doença.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?

Tópicos

10 milhões de casos de covid-19 3 onda covid Aeroporto Internacional de Nanjing Lukou bing covid boca amarga pode ser covid? CCDI China chineses punidos Comissão Central de Inspeção Disciplinar do Partido Comunista coriza covid coriza é sintoma de covid coronavac variante indiana coronavírus covid covid chile covid china covid italia covid na india covid reino unido Covid-19 covid-19 índia Delta Delta B.1.617.2 dor de ouvido covid doses diferentes espirro é sintoma de covid estudo falecido de Wuhan famosos que morreram de covid gasometria covid famosos que morreram de covid Gorinchteyn instituto de virologia de wuhan israel covid israel restrições janssen janela de imunização janssen período de proteção janssen precisa de mais uma doze mandemia balanço mundo Nanjing Nanjing Lukou nariz entupido pode ser covid Nature nova cepa covid nova variante da covid-19 número de mortes covid brasil hoje o que é resposta imune? origem coronavirus paises com mais mortes por covid pandemia balanço brasil pandemia balanço mundo Pfizer pfizer 3ª dose pni covid pra que tomar 3ª dose? primeiros sintomas da covid quais os sintomas da nova variante delta quais os sintomas da variante delta? qual vacina precisa de 3ª dose? Qual vacina protege contra variante delta? Qual vacina protege contra variante indiana? queda de cabelo pos covid reinfecção covid resposta imune resposta imune Delta Plus resposta imune variante delta resposta imune variante Gamma ressurgimento Covid-19 revista Nature sequelas do covid SP teste coronavírus teste de covid teste rápido tosse seca covid vacinados covid brasil variante variante delta variante iota variante P.1 variante P1 variantes Variantes Covid-19 Wuhan Zhangjiajie