Giro

Vale confirma continuidade das tratativas com MG e instituições de Justiça

A Vale confirmou, em nota, que as tratativas com o governo de Minas Gerais e as Instituições de Justiça em busca de um acordo no caso Brumadinho foram estendidas em 15 dias. Também foi definido que o pagamento emergencial, que se encerraria no próximo dia 31, foi prorrogado até o dia 28 de fevereiro de 2021.

A mineradora afirma que “considera fundamental reparar os danos causados de maneira justa e o consenso sobre o processo reparatório com os órgãos públicos, legítimos representantes do povo mineiro, é um importante passo para dar celeridade às ações”.

Mais cedo, o governo do Estado de Minas Gerais informou que a Vale apresentou nesta sexta-feira, 29, uma nova proposta de acordo para reparar os dados socioeconômicos coletivos causados pelo rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho, sem detalhar valores.

Em sua nota, o governo mineiro ressaltou que as instituições que representam o Poder Público “avaliam que há perspectiva de evolução nas negociações. Por isso, elas serão estendidas”.

A decisão de estender as tratativas foi referendada por decisão do desembargador Gilson Lemes, presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

A empresa, o Estado e instituições como Ministério Público e Defensoria Pública tentam chegar a um consenso em torno dos valores de reparação moral e material.

A ação civil pública pede R$ 54,7 bilhões. A proposta da Vale foi de R$ 29 bilhões, abaixo do que os autores consideram viável para um acordo.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel