Giro

Vacinação na França será gratuita para todos, mas não obrigatória

Crédito: Reprodução/Pexels

Para garantir o acesso gratuito à vacina, o governo destinou €1,5 bilhão para a vacinação no orçamento da Saúde para 2021. (Crédito: Reprodução/Pexels)

A vacinação contra a covid-19 na França será gratuita para todos e deve ter início em janeiro para idosos em casas de repouso, aproximadamente 1 milhão de pessoas. Segundo o primeiro-ministro Jean Castex, a segunda fase, em fevereiro, cobrirá 14 milhões de pessoas, consideradas fragilizadas por idade ou patologias e, na primavera europeia, para toda a população maior de 18 anos.

+ Bill Gates acredita em “vida normal” em abril, após a vacina
+ Governo federal investe em nova fábrica de vacinas da Fiocruz

As vacinas disponíveis serão as da Pfizer/ BioNtech e Moderna, que devem estar disponíveis, na melhor das hipóteses nos últimos dias de dezembro, se não a partir de janeiro, acrescentou Castex.

Para garantir o acesso gratuito à vacina, o governo destinou €1,5 bilhão para a vacinação no orçamento da Saúde para 2021.

Para assegurar os franceses com medo da vacina, a França só terá os imunizantes depois de serem aprovadas tanto pela Agência Europeia de Medicamentos quanto pela Alta Autoridade de Saúde francesa.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel