Tecnologia

Usuários passam 1 bilhão de horas por dia no YouTube

Usuários passam 1 bilhão de horas por dia no YouTube

(Arquivo) Logotipo do YouTube - AFP/Arquivos

Usuários do YouTube gastam, em média, 1 bilhão de horas por dia assistindo a vídeos na plataforma. O número, divulgado pelo jornal norte-americano Wall Street Journal nesta segunda-feira, 27, indica uma forte aproximação da plataforma em relação à audiência de televisões nos Estados Unidos, que é assistida 1,25 bilhão de horas diariamente.

“O conteúdo fica mais rico a cada minuto”, afirma o diretor de produto do YouTube, Neal Mohan, ao jornal dos EUA. “Os algoritmos também estão fazendo um trabalho cada vez melhor e mais aprimorado ao escolher o conteúdo que os usuários gostam de verdade.”

De acordo com o Google, responsável pela plataforma de vídeos, o primeiro bilhão de horas foi atingido no final de 2016, registrando um crescimento em mais de 10 vezes na audiência desde 2012, quando o site começou a investir nos algoritmos — inteligência artificial que reconhece o gosto dos usuários e faz sugestões personalizadas.

“Se você assistir a um bilhão de horas de vídeos no YouTube, seria preciso mais de 100 mil anos. Há 100 mil anos, por exemplo, nossos ancestrais estavam criando ferramentas de pedra e migrando para fora da África, enquanto mamutes e mastodontes vagavam por toda a Terra”, disse a empresa, por meio de uma postagem no blog oficial.  “Se você passar 100 mil anos viajando à velocidade da luz,  você poderia viajar de uma extremidade da Via Láctea para a outra.”

A marca chama a atenção, também, ao comparar com outros serviços na internet. O Facebook, por exemplo, afirmou que seus usuários passam 100 milhões de horas vendo vídeos por dia, enquanto o Netflix diz que seu assinantes assistem 116 milhões de horas de vídeos diariamente.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel