Agronegócio

USDA: estimativa de produção de café no Brasil aumenta 5% na safra 2018/19

São Paulo, 09 – O escritório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) no Brasil aumentou em 5% a estimativa de produção de café no Brasil na safra 2018/19 (entre julho de 2018 e junho de 2019), a 63,4 milhões de sacas de 60 kg, em comparação com a previsão anterior.

As exportações para o mesmo período continuam com a mesma estimativa de 35,33 milhões de sacas, quase um nível recorde, 16% maior do que no ano anterior. O desempenho não é melhor, segundo o relatório, por falta de contêineres para despachar o produto.

A produção brasileira de café arábica está projetada em 46,9 milhões de sacas, um aumento de 5% em relação à última previsão. Já a safra de robusta tem estimativa de 16,5 milhões de sacas, uma melhora também de 5% em relação à previsão anterior. O rendimento médio da colheita está estimado em 30,78 sacas por hectare, 5% a mais do que o previsto na estimativa anterior.

O consumo no país foi revisado para cima, de 22,02 milhões de sacas para 23,2 milhões.

A colheita de 2017/18 continua estimada em 50,9 milhões de sacas.