Giro

Unidos pela vacina já doou mais de 332 mil itens para 1.800 cidades brasileiras

Até o momento, o movimento Unidos pela Vacina adquiriu mais de 332 mil itens para doação, atendendo 1.800 cidades brasileiras. O número foi fornecido pelo CEO da EB Capital, Eduardo Sirotsky, um dos líderes da iniciativa que apoia à imunização contra a covid-19 em diferentes regiões do Brasil.

“Não compramos as vacinas, mas queremos fazer com que cheguem da melhor forma possível ao braço das pessoas. Não existe outro caminho. A imunização salva vidas e reaquece a economia”, disse Sirotsky durante a coletiva promovida pelo Unidos pela Vacina.

A mobilização, que surgiu por iniciativa Grupo Mulheres do Brasil, liderado pela empresária Luiza Helena Trajano, conta com 230 empresas doadoras parceiras atualmente. No acumulado até agora, foram arrecadados R$ 30 milhões. O montante foi direcionado principalmente para a compra de itens que garantem a qualidade da vacina, como câmeras frias e refrigeradores.

Entre as maiores empresas doadoras estão companhias de diferentes segmentos econômicos. Entre elas, a Accenture, CCR, Raia Drogasil, Energisa, Cemig, Enel, BRK, MRV e KPMG, por exemplo. Destaque ainda para a Coca-Cola Brasil – que anunciou recentemente apoio ao Estado do Amazonas.



Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago