Edição nº 1125 14.06 Ver ediçõs anteriores

Uma obra para os pés

Uma obra para os pés

A loja de tapetes By Kamy desenvolveu uma coleção para homenagear artistas brasileiros contemporâneos. Quadros de pintores como Niobe Xandó (1915-2010), Gilvan Samico (1928-2013), Di Cavalcanti (1897-1976) e Tarsila do Amaral (1886-1973) foram reproduzidos em peças de tapeçaria. Os produtos serão apresentados na sétima edição do Manifesto Tramas das Artes, evento patrocinado pela empresa que acontece em São Paulo, até 15 de setembro. O valor médio das peças é de R$ 50 mil.

(Nota publicada na Edição 1085 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Um cruzeiro privativo pelas Maldivas por € 900 mil

Explorar o arquipélago das Maldivas a bordo de um superiate pode ser sua próxima aventura. O Nirvana, embarcação de 88,5 metros [...]

O broche de US$ 15 milhões da Cartier

Se você é apaixonado por joias pode deixar anotado na agenda seu compromisso para 19 de junho: o leilão Maharajas & Magnificência [...]

Lenny Kravitz e Leica lançam câmera exclusiva

A Leica, fabricante alemã de câmeras, se uniu ao cantor americano Lenny Kravitz para lançar uma edição especial da M Monochrom, a [...]

O primeiro híbrido de série da Ferrari

Os apaixonados pelo cavalinho rampante podem comemorar. O SF90 Stradale, primeiro híbrido da Ferrari a ser produzido em série, já tem [...]

Comes e bebes com estrelas no alto de Lisboa

O Atlis Avenida Hotel, cinco estrelas localizado no centro de Lisboa, na Praça dos Restauradores, acaba de inaugurar o novo Rossio [...]
Ver mais

Copyright © 2019 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.