Ciência

UE reserva 400 milhões de doses de eventual vacina da Johnson & Johnson

UE reserva 400 milhões de doses de eventual vacina da Johnson & Johnson

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen - POOL/AFP

A Comissão Europeia anunciou nesta quinta-feira que reservou até 400 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 que está sendo desenvolvida pelo laboratório americano Johnson & Johnson.

As conversas entre a Comissão e a empresa concluídas hoje tinham como objetivo estabelecer um princípio de acordo para uma primeira compra de 200 milhões de doses, que poderá ser acompanhada de uma segunda, com um número semelhante de doses, informou a Comissão.

“A vida dos nossos cidadãos e a nossa economia precisam de uma vacina segura e eficaz contra o novo coronavírus. As discussões de hoje nos aproximam deste objetivo”, afirmou a presidente da Comissão, Ursula von der Leyen. Autoridades europeias e o laboratório americano ainda devem negociar os termos finais do contrato.

O Executivo europeu “continua com discussões intensas” com outros fabricantes de vacinas, assinalou a Comissão, que já havia anunciado, em julho, ter reservado 300 milhões de doses da vacina em desenvolvimento pelo laboratório francês Sanofi.

Veja também

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?