Mundo

Ucrânia agradece apoio de Biden e cobra Rússia a reduzir tensões por meios diplomáticos

Ucrânia agradece apoio de Biden e cobra Rússia a reduzir tensões por meios diplomáticos

Presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy

KIEV (Reuters) – A Ucrânia agradece o apoio do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e insta a Rússia a usar meios diplomáticos para aliviar as tensões regionais, disse nesta terça-feira um assessor do chefe de gabinete do presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy.



Nas primeiras observações oficiais de uma autoridade do governo ucraniano depois que Biden falou com o presidente russo, Vladimir Putin, o assessor Mykhailo Podolyak disse que a videoconferência entre Biden e Putin não tinha produzido “comoção”.

“Somos gratos ao presidente Biden por seu apoio inabalável à soberania e à integridade territorial da Ucrânia”, disse ele em um comunicado.

“Apoiamos o apelo do presidente Biden ao líder russo para que retorne aos instrumentos diplomáticos e garanta a desescalada em nossa região. Continuaremos a coordenar com o lado americano para alcançar resultados concretos no interesse da Ucrânia.”

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEHB614N-BASEIMAGE

+ O economista Paulo Gala revela os caminhos para investir bem em 2022




Saiba mais
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto