Negócios

Uber divulga detalhes do IPO e anuncia prejuízo de US$ 1 bilhão

O principal aplicativo de transporte do mundo definiu faixa de US$ 44 a US$ 50 por cada uma das 180 milhões de ações que serão disponibilizadas

Uber divulga detalhes do IPO e anuncia prejuízo de US$ 1 bilhão

A Uber ainda pode colocar um lote adicional de 27 milhões de novas ações, aumentando a chance de IPO para US$ 10,35 bilhões

Após meses de especulações, a Uber revelou nesta sexta-feira (26) os detalhes da sua abertura de capital em Wall Street, também conhecida como oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês). O principal aplicativo de transporte do mundo definiu faixa de US$ 44 a US$ 50 por cada uma das 180 milhões de ações que serão disponibilizadas, podendo levantar até US$ 9 bilhões.

A Uber ainda pode colocar um lote adicional de 27 milhões de novas ações, aumentando a chance de IPO para US$ 10,35 bilhões. O resultado pode elevar o valor da marca para até US$ 83,85 bilhões, um valor muito abaixo do esperado por analistas. No mês passado, a Reuters afirmou que o mercado acreditava que a Uber poderia somar valor até US$ 120 bilhões após estrear no mercado financeiro.

A companhia também afirmou que a rede de pagamentos online PayPal irá investir US$ 500 milhões na compra de ações ao preço do IPO. A expectativa é estreia ocorra no início de maio com a denominação UBER na bolsa de valores.

A empresa também reportou nesta sexta-feira os resultados financeiros do primeiro trimestre de 2019, com receita de US$ 3 bilhões e prejuízo de US$ 1 bilhão.

A Uber deve lançar seu IPO semanas depois da Lyft, a sua principal concorrente no segmento. As ações da empresa estão em ritmo de queda depois de estrearem com valor acima do esperado. Para analistas, o mau desempenho da Lyft pode ter rebaixado a expectativa de valorização da Uber.

 

 

 

 

Tópicos

IPO lyft Uber