Negócios

Uber começa a integrar transporte público em seu aplicativo

O usuário poderá comparar preço e tempo de corrida entre os sistemas tradicionais da empresa e o transporte público da cidade, que inclui ônibus e trens urbanos

Uber começa a integrar transporte público em seu aplicativo

Seguindo seu plano de se tornar mais do que apenas um aplicativo de serviço de carro, a Uber começou em Denver, nos Estados Unidos, a integrar serviços de transporte público em seu sistema. Na cidade, o usuário poderá agora comparar preço e tempo de corrida entre o sistema tradicional da empresa (UberX), o de compartilhamento (que no Brasil se chama Juntos) e o transporte público da cidade, que inclui ônibus e trens urbanos.

Através do aplicativo de transporte será possível comprar as passagens por meio do serviço Wasabi. A integração e informações sobre rotas e horários dos transportes será feita em parceria com o aplicativo Moovit.

A capital do estado americano do Colorado foi escolhida nos últimos anos vem investindo em uma nova rede de ônibus e trens regionais, além de já utilizar o Wasabi como forma de comprar passagens de transporte público.

A Uber já realizou uma experiência de unir transporte público em seu app na pequena cidade canadense de Innisfil. A diferença é que neste caso, a empresa administrava todas as modalidades de transporte da cidade por conta de sua escala. Desta vez, eles serão apenas intermediários.

Consultada pela DINHEIRO, a Uber do Brasil disse que ainda não há previsão da funcionalidade chegar ao Brasil.