Giro

Trump pode declarar estado de emergência, diz a mídia

Crédito: POOL/AFP

O presidente Donald Trump fala sobre a crise do coronavírus Covid-19 em 11 de março de 2020, em Washington (Crédito: POOL/AFP)


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pode declarar nesta sexta-feira (13) emergência nacional por causa do coronavírus, diz a mídia norte-americana.

Segundo o Business Insider, a medida desencadearia a Lei Stafford, que permite mais ajuda federal aos estados e municípios.

+ Bolsonaro afirma que teste para coronavírus deu negativo
+ Trump esteve cercado de infectados pelo coronavírus

Na última quarta-feira (11), a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o surto como pandemia e até o momento mais de 136 mil pessoas já foram infectadas, sendo mais de 5 mil mortes.

De acordo com o The New York Times, pelo menos 1.663 pessoas em 46 estados e Washington DC teriam testado positivo para o coronavírus. Pelo menos 41 pessoas já morreram.

A polêmica medida pode ajudar a frear o avanço do vírus pelos Estados Unidos, mas dá plenos poderes ao presidente, que vê algumas ações desbloqueadas pela novo status do país.

Trump, que passou os últimos dias rodeado de pessoas infectadas pelo coronavírus, começou a demonstrar preocupação com a doença. Ainda ontem ele havia dito que não se preocupava por ter tido contato com a comitiva brasileira que visitou os EUA na semana passada.

Chefe da secretaria de Governo, Fabio Wajngarten foi diagnosticado com o coronavírus ontem e esteve com Trump em diversos momentos de um jantar na Flórida.

A filha de Trump, Ivanka, também se reuniu com um ministro do governo australiano, Pete Dutton, diagnosticado com a covid-19.

O ministro esteve na Casa Branca dois dias antes do encontro entre Bolsonaro e Trump e foi fotografado com Ivanka, o procurador-geral William Barr e outros ministros.