Economia

Trump planeja adiar em seis meses novas tarifas sobre automóveis

Trump planeja adiar em seis meses novas tarifas sobre automóveis

O presidente Donald Trump ameaçou impor tarifas punitivas de 25% sobre os carros importados - GETTY IMAGES NORTH AMERICA/AFP/Arquivos

O presidente americano, Donald Trump, planeja adiar as tarifas sobre carros importados, enquanto os EUA tentam alcançar acordos com parceiros comerciais cruciais – disseram fontes da AFP do setor nesta quarta-feira (15).

Trump ameaçou impor tarifas punitivas de 25% sobre os carros – uma possibilidade que preocupou a União Europeia (UE) e o Japão, em particular, bem como o México e o Canadá.

Enfrentando um prazo para anunciar uma decisão no sábado sobre a implementação das tarifas com base nas preocupações de segurança nacional, as fontes disseram que Trump iria adiar as negociações.

Novas tarifas ameaçam abalar as relações comerciais com os principais parceiros comerciais de Washington, que estão furiosos com as tarifas punitivas sobre aço e alumínio impostas no ano passado.

A CNBC e outros veículos de comunicação citaram fontes do governo nesta quarta-feira dizendo também que Trump deveria tentar negociar antes de estabelecer novas tarifas de importação.

Fabricantes alemães estão especialmente preocupados com a ameaça de Trump, mas o presidente americano e o presidente da Comissão europeia, Jean-Claude Juncker, declararam uma trégua em julho de 2018 para tentar negociar.

Em diferentes momentos, autoridades europeias disseram esperar que os EUA cumpram o acordo de adiar novas tarifas.

Pela legislação americana, Trump deve tomar uma decisão até 90 dias após receber o relatório do Departamento do Comércio sobre qualquer ameaça à segurança nacional enfrentada pelo setor automotivo, ou seja, neste sábado.