Negócios

Trump assina ordem executiva sobre transações dos EUA com o TikTok

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou na noite de quinta-feira, 5, uma ordem executiva que, na prática, coloca um prazo de 45 dias para uma empresa dos Estados Unidos comprar as operações no país do TikTok, chamando o aplicativo de ameaça à segurança nacional e econômica. Quando esse período se esgotar, a ordem proíbe pessoas nos EUA ou sujeitas à jurisdição dos EUA de fazer qualquer transação com a ByteDance Ltd., empresa de Pequim e dona do TikTok.

Ao assinar a ordem, Trump aumentou a pressão sobre a Microsoft para adquirir os negócios americanos do TikTok.

A Microsoft disse que espera comprar os negócios do TikTok nos Estados Unidos e em outros três países.

A empresa, que afirmou no domingo que pretende terminar as discussões sobre o assunto até 15 de setembro, não fez comentários imediatamente após a assinatura da ordem, e o TikTok não respondeu imediatamente a um pedido de comentário para a reportagem.

Veja também

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?