Negócios

Kroton, Estácio e Ser perdem milhares de alunos do FIES

No terceiro trimestre, os três grandes grupos perderam um total de 105 mil alunos do fundo de financiamento estudantil

Crédito: Carlos Cecconello/Folhapress

Kroton, Estácio e Ser são os maiores grupos de educação do Brasil. Porém, no terceiro trimestre de 2018 perderam um total de 105 mil alunos do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES) na comparação ao mesmo período do ano anterior. Ao todo, os três tem 192 matriculados através do fundo.

Desde 2015, o FIES tem um número de inscrições limitadas, o que representou uma grande perda para os grupos. No entanto, a mudança só começa a ser sentida agora, quando a última turma do “FIES ilimitado” começa a se formar. Segundo informações da Kroton, o FIES é um importante mecanismo para a previsibilidade do faturamento, uma vez que alunos inscritos nele tem menor taxa de evasão.

Apesar da mudança, em 2017 foi aprovada a possibilidade de financiamento por bancos, porém, a taxa de adesão foi baixa. De 120 mil solicitações, somente 256 contratos foram fechados. A instituições acreditam que o número de matriculados poderá voltar a crescer com a retomada da economia.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago