Economia

Trabalhadores da Dataprev suspendem greve após prorrogação de acordo coletivo

Os trabalhadores da Dataprev decidiram em assembleia suspender a greve que haviam decretado em quatro Estados e no Distrito Federal depois que a empresa prorrogou o Acordo Coletivo de Trabalho de 2020 por mais 60 dias, o que era reivindicado pelo movimento.



Em São Paulo e Santa Catarina, a paralisação nem chegou a começar. Os funcionários de Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte estavam em greve desde segunda-feira, 8, e, no Distrito Federal, desde terça-feira.

Vinculada ao Ministério da Economia, a Dataprev é responsável pelo processamento dos pagamentos de benefícios previdenciários do INSS e, também, pelo auxílio emergencial. Os trabalhadores da empresa pública também estão à frente do sistema online de liberação do seguro-desemprego.

Nos primeiros minutos desta sexta-feira, 12, o Congresso concluiu a tramitação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 186/2019, a PEC Emergencial, que reserva R$ 44 bilhões para uma nova rodada do auxílio emergencial a vulneráveis na pandemia.

+ O economista Paulo Gala revela os caminhos para investir bem em 2022




Saiba mais
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto