Economia

Teremos “abordagem cirúrgica” na aplicação de tarifas à importação, diz Ross

O secretário de Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, afirmou nesta quarta-feira que a Casa Branca busca uma “abordagem cirúrgica” para as novas tarifas à importação de aço e alumínio. Segundo ele, Canadá e México podem vir a ser isentos da mudança.

O presidente da Câmara dos Representantes, o republicano Paul Ryan, usou a mesma expressão na terça-feira, ao pedir que o presidente Donald Trump usem um enfoque “cirúrgico” para evitar uma guerra comercial potencialmente perigosa.

Ross disse a repórteres hoje: “O presidente indicou que, se pudermos avançar com Canadá e México, eles serão isentos”. Ainda segundo ele, “não é inconcebível que outros possam ser isentos com uma base semelhante”.

Trump planeja impor tarifa de 25% sobre as importações de aço e 10% sobre as de alumínio. Mas o governo tem dito que Canadá e México poderiam ser isentos caso ofereçam termos mais favoráveis na renegociação do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (Nafta, na sigla em inglês), atualmente em andamento. Fonte: Associated Press.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança