Giro

Tensão aumenta em Mianmar e confrontos são registrados em Yangon

Tensão aumenta em Mianmar e confrontos são registrados em Yangon

Simpatizantes da junta militar jogam pedras e objetos contra moradores de bairro de Yangon - AFP

Militantes favoráveis à junta militar armados com facas enfrentaram nesta quinta-feira (25) moradores de Yangon, em um aumento da tensão após semanas de protestos contra o golpe de Estado em Mianmar.

Centenas de partidários dos militares saíram às ruas no centro da maior cidade do país e exibiram faixas com frases como “Apoiamos nossas forças de defensa”.

As autoridades permitiram o acesso ao emblemático pagode Sule, local importante que nos últimos dias permaneceu isolado por barricadas para impedir a aproximação dos manifestantes pró-democracia.

Os moradores da área começaram a bater panelas, uma ação que virou o símbolo de resistência ao golpe de Estado, para protestar contra a manifestação pró-militar.

Ao meio-dia foram registrados confrontos nas proximidades da estação central de trens de Yangon.

Partidários do exército – alguns armados com facas, tubos e estilingues – atacaram os moradores que vaiavam a manifestação.

Superando em número os defensores da junta militar, os moradores responderam e conseguiram deter alguns deles, que estavam com cassetetes, navalhas e estilingues, contou à AFP Aung Zin Lin, de 38 anos, que mora na área do protesto.

Quando a polícia chegou ao local, mulheres e crianças deram as mãos e formaram um escudo humano, para evitar que as forças de segurança tentassem deter moradores do bairro.

Em outro ponto da cidade, no campus da Universidade de Yangon, estudantes organizaram uma manifestação pacífica e exibiram bandeiras da Liga Nacional para a Democracia, o partido de Aung San Suu Kyi.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel