Finanças

Taxas futuras de juros caem com aprovação de texto-base da reforma da Previdência

Após fecharem em alta nesta terça-feira, 22, os juros futuros recuam na manhã desta quarta (23), em reação à aprovação do texto-base da reforma da Previdência em segundo turno no plenário do Senado. No câmbio e na Bolsa, a expectativa de aprovação foi precificada ontem na atitude otimista do investidor.

Dois destaques que ainda faltam devem ser votados nesta Quarta-feira. O novo líder do governo no Congresso, senador Eduardo Gomes (MDB-TO), previu mais cedo a conclusão do texto final até o meio desta quarta.

Às 9h30, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021 estava em 4,510%, na mínima, de 4,537% no ajuste de terça. O DI para janeiro de 2023 exibia 5,480%, de 5,520%, enquanto o vencimento para janeiro de 2025 marcava 6,150%, na mínima, de 6,200% no ajuste anterior.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança

Tópicos

taxas de juros