MORTE/CARLOS LANGONI/REPERCUSSÃO/MME/MINISTÉRIO DA ECONOMIA