Giro

Spotify remove mais de 100 programas do podcast de Joe Rogan

Crédito: Reprodução/Facebook/Joe Rogan

Os episódios do programa de Joe Rogan excluídos foram gravados antes da pandemia de Covid-19 (Crédito: Reprodução/Facebook/Joe Rogan)

O Spotify removeu 113 episódios do podcast apresentado por Joe Rogan, embora não tenha explicado o motivo. O programa, um dos mais populares da plataforma de streaming nos Estados Unidos, enfrenta acusações e boicote por disseminar desinformação durante a pandemia causada pela Covid-19.

Segundo a revista Forbes, foram retirados do ar 113 episódios do “The Joe Rogan Experience“. Com exceção de um programa, todas as produções excluídas foram gravadas antes da pandemia – os demais seguem disponíveis.



+ Presidente do Spotify defende permanência de Joe Rogan no podcast
+ Bolsonaro defende Joe Rogan em polêmica com Spotify e Neil Young

Neste sábado (5), o apresentador postou um vídeo em sua conta do Instagram na qual pede desculpas pelo uso de insultos racistas em seu programa.

“Parece horrível, mesmo para mim. Não há contexto em que uma pessoa branca possa dizer essa palavra, muito menos publicamente em um podcast, e concordo com isso agora. Nunca usei para ser racista porque eu não sou racista”, diz Rogan no vídeo.

+ Confira 10 receitas para reaproveitar ou turbinar o arroz do dia a dia


Diversos artistas, entre eles Neil Young e Joni Mitchel, retiraram suas músicas do Spotify em protesto à desinformação divulgada por Rogan sobre a pandemia. O diretor executivo e fundador do Spotify, Daniel Ek, porém, defendeu a permanência do conteúdo na plataforma, segundo a agência AFP.

Instagram will load in the frontend.