Giro

SP desativa barreiras sanitárias no aeroporto e terminais de ônibus

As barreiras sanitárias para identificação de casos suspeitos de covid-19 no aeroporto e terminais rodoviários de São Paulo foram desativadas. Segundo a prefeitura da capital paulista, o encerramento dos trabalhos aconteceu na sexta-feira (15) devido a estabilização do número de casos na cidade.



Desde 27 de maio, as equipes da Coordenadoria de Vigilância em Saúde trabalharam no Aeroporto de São Paulo/Congonhas e os terminais da Barra Funda, Tietê e Jabaquara. No aeroporto, foram registrados 157 casos sintomáticos de covid-19 em 555,7 mil abordagens. Nos terminais rodoviários, foram 213 mil abordagens para identificação de 53 pessoas com sintomas da doença.

Foram feitas ainda abordagens educativas no Terminal de Cargas Fernão Dias e nos terminais de ônibus urbanos do Brás e do Pari.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?