Giro

Sony pode ter que redesenhar o PS5 devido à falta de componentes

Crédito: Reprodução/Divulgação

O CFO diz que não espera que os problemas de fornecimento, que contribuíram para a escassez de PS5, fiquem resolvidos em breve. (Crédito: Reprodução/Divulgação)

Já não é novidade para ninguém que o mercado atravessa uma acentuada escassez de componentes. E, tal como seria de esperar, essa falta de peças tem consequências significativas na produção dos produtos. Prova disso é que a Sony poderá ter que redesenhar seu PlayStation 5 exatamente devido à falta de componentes.

Sem ovos não se fazem omeletes… e essa lógica também bom muito bem ser usada no mundo da indústria, no sentido em que sem componentes, não se fazem equipamentos tecnológicos.

+ Sony já vendeu 7,8 milhões de PlayStation 5 desde o lançamento

Assim, se as fabricantes estão com graves dificuldades em responder aos imensos pedidos, então, tal como já acontece, as empresas terão produtos que vão deixar de aparecer em grandes quantidades nas prateleiras das lojas. Ou até desaparecer mesmo por uns tempos.

Segundo as informações, após a divulgação dos resultados do primeiro trimestre de 2021, o CFO da Sony, Hiroki Totoki, adiantou que é “improvável” que haja uma melhoria drástica no volume de componentes necessários para a PS5. O executivo não acredita assim que o problema esteja resolvido antes do final do seu ano fiscal, com término a 31 de março de 2022.

Vale lembrar que os resultados financeiros mostraram que o novo console da Sony já vendeu 7,8 milhões de unidades, mais do que a PlayStation 4 no seu lançamento.

O executivo diz que não espera que os problemas de fornecimento, que contribuíram para a escassez de PS5, fiquem resolvidos em breve. Totoki adianta que a Sony está atualmente considerando várias soluções para ultrapassar este flagelo. Dentre as soluções, estará em cima da mesa a possibilidade de alteração de design de hardware ou terceirização de fornecedores.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel