Negócios

Sony e Microsoft se unem para criar plataforma de streaming de jogos

Segundo comunicado divulgado nesta semana, as duas gigantes da tecnologia irão juntar esforços na troca de tecnologia e infraestrutura

Sony e Microsoft se unem para criar plataforma de streaming de jogos

Presidente da Sony, Kenichiro Yoshida e Satya Nadella, CEO da Microsoft, posam para foto após anunciarem parceria

Sony e Microsof deixaram a rivalidade de lado e se uniram para formar uma nova plataforma de streaming de jogos e serviços de nuvem. Segundo comunicado divulgado nesta semana, as duas gigantes da tecnologia irão juntar esforços na troca de tecnologia e infraestrutura.

As empresas não revelaram muitos detalhes de como funcionará a gestão de uma plataforma que una os jogos do Playstation ou Xbox. Segundo sites internacionais, a Sony deve usar o serviço de nuvem Azure para hospedar o PS Now, o seu já existente streaming de games. A Microsoft também já havia ensaiado o lançamento de um serviço próprio.

“Por muitos anos, a Microsoft tem sido uma parceira de negócios fundamental para nós, embora, é claro, as duas empresas também estejam competindo em algumas áreas”, disse Kenichio Yoshida, diretor executivo da Sony.

O presidente-executivo da Microsoft, Satya Nadella, disse que a “Sony sempre foi líder em entretenimento e tecnologia, e a colaboração que anunciamos hoje se baseia nessa história de inovação.”

O PS Now representa 36% do mercado global de streaming, somando US$ 247 milhões, segundo a IHS Markit. À BBC News, analistas de tecnologia afirmam que está é uma aposta da companhia japonesa em priorizar o serviço digital.

“Houve muita discussão que a Sony parecia seguir o caminho tradicional de fazer um console normal e continuar com o que eles estavam fazendo no passado. Esta parceria com a Microsoft mostra que eles estão explorando totalmente a tecnologia de streaming”, disse Rebekah Valentine, do GamesIndustry.biz.