Economia

S&P altera perspectiva de ratings do Japão de positiva para estável

A S&P Global Ratings alterou nesta terça-feira a perspectiva dos ratings soberanos A+/A-1 do Japão, de positiva para estável, com o argumento de que o país apresentará elevado déficit fiscal no curto prazo em parte devido aos gastos motivados pela pandemia do novo coronavírus.

A disseminação da covid-19 “comprometeu o processo de estabilização fiscal do Japão, mas esperamos que isso volte aos trilhos nos próximos dois ou três anos à medida que a economia se recuperar”, afirmou a agência de classificação de risco em comunicado.

A revisão reflete “maiores incertezas de que a dívida do governo geral do Japão possa se estabilizar em relação ao PIB nominal em um ou dois anos à medida que o desempenho fiscal se deteriorar”, acrescentou a S&P.

A agência estima que a dívida líquida do governo japonês subirá de 151% do PIB no último ano fiscal para 171% no atual ano fiscal. Nos anos ficais de 2021 a 2023, a expectativa é de que o déficit caia fortemente, conforme passar o efeito de gastos relacionados à covid-19, segundo a S&P.

Veja também

+ Caixa libera FGTS emergencial para nascidos em julho nesta segunda-feira (10)

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?