Tecnologia

Site de buscas Bing é bloqueado na China, afirma Microsoft

Empresa não sabe se o sistema foi suspenso de forma proposital ou por problemas técnicos; país tem histórico de censura contra sites e redes sociais

Site de buscas Bing é bloqueado na China, afirma Microsoft

A Microsoft afirmou na manhã desta quinta-feira (24) que o seu site de buscas Bing está bloqueado na China. Este era um dos últimos sites estrangeiros liberado pelo rígido sistema de censura chinês. Em comunicado, a empresa disse não saber se o sistema foi suspenso de forma proposital ou por problema técnico.

“Confirmamos que o Bing está atualmente inacessível na China e estamos empenhados em determinar os próximos passos”, disse o porta-voz da Microsoft em nota.

O sistema de censura do governo chinês, também conhecido como “Grande Firewall”, usa uma série de medidas técnicas para bloquear plataformas estrangeiras e conteúdos que não sejam do interesse das autoridades. O sistema impede o acesso de sites como Facebook e Twitter no país asiático.

A Microsoft abriu a sua representação em Pequim em 1992. O Google, principal rival do Bing, fechou o seu escritório na China em 2010, após uma série de discussões com o governo sobre o cerceamento de informações. Mesmo bloqueado, o Twitter mantém uma representação no país para que usam a rede de microblog fora da China. O Facebook tentou estabelecer uma base no país no último ano, mas a iniciativa não prosperou.