Ciência

Sistema imunológico pode explicar por que a covid-19 é tão mortal

Crédito: Pexels

Estudo mostra que o novo coronavírus é mais nocivo do que outros vírus respiratórios e afeta o sistema imunológico humano de uma forma única (Crédito: Pexels)

Um estudo realizado pelos centros de pesquisas Earlham Institute (EI) e Quadram Institute mostra que o novo coronavírus é mais nocivo do que outros vírus respiratórios e afeta o sistema imunológico humano de uma forma única.

Os cientistas estudaram como o sistema imunológico responde à infecção com SARS-CoV-2 e outros vírus respiratórios semelhantes, em particular para identificar características únicas em pacientes com covid-19 gravemente enfermos.

+ Estados adotam novas restrições contra a covid-19

Eles concluíram, segundo o Medical Xpress, que o SARS-CoV-2 e outros vírus respiratórios causam a chamada ‘tempestade de citocinas’ – uma hiperativação de nosso próprio sistema imunológico – uma das principais razões para a alta taxa de mortalidade no subgrupo de pacientes com covid.

Após analisar sistematicamente mais de 5.000 estudos científicos para encontrar aqueles contendo dados de resposta imunológica de pacientes, os pesquisadores mostraram que o SARS-CoV-2 tem uma tendência única de conter o aumento de citocinas (componentes são responsáveis por regular a resposta imunológica do corpo humano) específicas em certos pacientes, quando comparado a outros vírus semelhantes.

Segundo o Olhar Digital, apesar de a citocina ser um processo benéfico, por combater agentes externos indesejados, a produção excessiva leva uma resposta imune hiperativa.

Os cientistas consideram que um mapa de tais respostas imunes poderia ajudar os especialistas clínicos a identificar intervenções que aliviariam com sucesso a tempestade de citocinas em outras doenças e avaliar se elas poderiam ser eficazes no tratamento da covid.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel