Economia

Sinais de Trump em relação a comércio são “alarmantes”, diz ministra alemã

A ministra de Economia e Energia da Alemanha, Brigitte Zypries, disse que o governo do presidente dos EUA, Donald Trump, mandou sinais alarmantes no que diz respeito ao comércio até o momento, mas também alertou que o isolacionismo prejudicaria a economia norte-americana e que é importante manter conversas com Washington.

A Alemanha é a maior economia da União Europeia, que é formada por 28 países, e também um grande exportador mundial. O viés protecionista demonstrado por Trump desde sua posse começa a incomodar Berlim.

“O que temos visto nos últimos dez dias é alarmante e desconcertante”, afirmou Zypries, em entrevista ao jornal alemão Bild. “Isso vai completamente na direção errada”.

Ao ser perguntada o que Berlim pode fazer para evitar um impacto negativo no mercado de trabalho alemão, Zypries respondeu que a única saída é buscar o diálogo com a Casa Branca.



“Precisamos conversar, conversar e conversar. O tipo de isolamento pelo qual Donald Trump aparentemente luta prejudicaria todo o mundo, incluindo os negócios (nos EUA)”, declarou a ministra ao Bild.

Sem dar detalhes, Zypries também comentou que parte do que Trump tem anunciado não é compatível com os princípios da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Zypries ressaltou ainda que 60% das exportações alemãs seguem para a Europa e que apenas 10% têm os EUA como destino. Em 2015, porém, os EUA foram o maior parceiro comercial da Alemanha. Naquele ano, as exportações alemãs para os EUA totalizaram 113,7 bilhões de euros (US$ 122 bilhões), enquanto as importações somaram 60,2 bilhões de euros. Dados de 2016 ainda não estão disponíveis. Fonte: Associated Press.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km