Economia

Setor de serviços em SP tem recorde de faturamento para junho, diz FecomercioSP

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) divulgou, em nota enviada ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), sua mais recente Pesquisa Conjuntural do Setor de Serviços (PCSS), que mediu os resultados do setor na capital paulista em junho. Segundo a entidade, 2020 registrou o faturamento recorde para o mês em toda a série histórica do levantamento, iniciado em 2010.

As empresas prestadoras de serviços faturaram R$ 35,2 bilhões em junho, em alta de 7,3% em relação ao mesmo período de 2019.

A atividade do setor com o maior faturamento real do mês, dentre as 13 listadas pela FecomercioSP, foi a de serviços Jurídicos, Econômicos e Técnico-Administrativos, com receitas que chegaram a R$ 11,2 bilhões.

A maior variação positiva ante junho de 2019, porém, ficou com as empresas enquadradas no Simples Nacional, que faturaram 27,3% a mais em junho deste ano.

Sete atividades tiveram quedas no faturamento em relação a junho do ano passado: Turismo, Hospedagem, Eventos e assemelhados (-79,1%); outros serviços (-30,2%); Educação (-15,5%); Saúde (-11,8%); Serviços técnico-científicos (-7%); Conservação, limpeza e reparação de bens móveis (-4,7%); e Construção civil (-1,9%). A variação acumulada do ano ainda apresenta contração de 4,2%, em comparação com primeiros seis meses de 2019.

Considerando o persistente cenário de queda para o setor de serviços, a FecomercioSP recomenda aos empresários continuar a adequar seu planejamento financeiro à realidade trazida pela pandemia do novo coronavírus.

A entidade ainda sugere investimentos no relacionamento com o cliente, diversificação nos canais de vendas – principalmente em plataforma digitais – e organização dos negócios em setores com maior potencial de vendas.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?