Negócios

Setor de franquias cresce 7% em 2018, com boas perspectivas para 2019

Em ano marcado pela retomada do crescimento da economia, franquias acompanharam o cenário interno, apresentando melhoras de lucro e geração de emprego

Na esteira de um 2018 que viu o Brasil começar sua retomada econômica, o setor de franquias no País também teve um ano de crescimento. Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising, as redes registraram no ano um crescimento nominal de 7% em relação ao ano anterior. O setor também gerou cerca de 1,3 milhões de vagas no período (entre intermitentes e temporários), registrando aumento de 8% dos empregos diretos.

O crescimento do número de unidades – 5% em relação ao ano anterior – mostra que grande parte do avanço nos lucros e contratações se deu por conta da retomada de vendas em unidades já estabelecidas. Para André Friedheim, presidente da ABF, “houve uma recuperação perceptível das vendas no varejo e especificamente no franchising neste último trimestre, somada a um sentimento de maior otimismo refletido na elevação da bolsa e em outros indicadores.”

A conclusão das eleições – com a expectativa de mais reformas e melhoria geral no ambiente de negócios –, o aumento do volume de vendas com a Black Friday, o reaquecimento das vendas no varejo como um todo no final do ano e a melhora dos índices de confiança empresarial e dos consumidores contribuíram com esse bom desempenho.

Franquias em 2019

Com o cenário positivo para 2019, a tendência é manter o crescimento e aumentar. Segundo a ABF, o aumento de faturamento crescerá entre 8% e 10%. Em relação a geração de emprego no setor, a estimativa é que haja um incremento de 5% enquanto a expansão das unidades deve ser de 5% a 6%.