Economia

Senado dos EUA aprova aumento temporário do teto da dívida e evita calote

Crédito: REUTERS/Joshua Roberts

Capitólio dos EUA em Washington (Crédito: REUTERS/Joshua Roberts)

Por Richard Cowan e Makini Brice

WASHINGTON (Reuters) – O Senado dos Estados Unidos aprovou uma legislação na quinta-feira para elevar temporariamente o limite de dívida do governo de 28,4 trilhões de dólares e evitar o risco de um calote histórico neste mês, mas adiou para dezembro uma decisão sobre uma solução mais duradoura.

O Senado votou por 50 a 48 para aprovar o projeto depois de semanas de disputa partidária. Mais cedo, 11 republicanos votaram a favor de uma votação processual permitindo que o projeto avançasse.

O projeto agora vai para a Câmara dos Deputados, que precisa aprová-lo antes que o presidente Joe Biden possa promulgá-lo. A Câmara fará a votação na terça-feira, de acordo com o gabinete do segundo democrata da Câmara, Steny Hoyer.



“O presidente Biden está ansioso para promulgar esse projeto assim que for aprovado pela Câmara e chegar à sua mesa”, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, em comunicado na quinta-feira.

O aumento de 480 bilhões de dólares, que elevará o limite da dívida para 28,9 trilhões de dólares, deve se esgotar até 3 de dezembro, mesmo dia em que o financiamento para a maioria dos programas federais vence segundo uma medida paliativa aprovada neste mês após outro impasse partidário.

Isso significa que nas próximas oito semanas o dividido Congresso terá os desafios de encontrar um terreno comum sobre os gastos das agências até setembro de 2022 –indo de educação a imigração e segurança nos aeroportos — e evitar outro colapso do limite da dívida.

(Reportagem de Richard Cowan, Makini Brice, Susan Cornwell e David Morgan; reportagem adicional de Aishwarya Nair em Bengaluru)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH970H5-BASEIMAGE

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km