Edição nº 1138 16.09 Ver ediçõs anteriores

Selina gosta de São Paulo

A rede hoteleira Selina, fundada no Panamá e com sede em Londres, vai desembarcar na capital paulista. A primeira unidade será aberta na próxima semana na Vila Madalena, com a proposta de ser espaço misto de coworking, restaurantes e hotel. O local também abrigará o Selina Home, uma área que oferecerá cozinha comunitária, biblioteca e cinema. “São Paulo é fundamental em nossa meta de lançar 4 mil camas ainda este ano, com investimento US$ 4 mil cada uma”, diz a presidente Flávia Lorenzetti. O objetivo é consolidar a Selina como uma importante operadora de hotéis, difundindo um novo conceito de lifestyle. Com propriedades na América do Sul, América Central e Europa, o Selina Madalena conta com 164 camas divididas em 46 quartos, entre suítes, quartos privativos e compartilhados. O Selina Madalena traz obras de artistas que estão em evidência pelas ruas de São Paulo, entre eles Hanna Lucatelli, Apolo Torres, Verdeee e Filipe Grimaldi, em quartos, corredores e áreas comuns do hotel. A expectativa da Selina é atingir cerca de R$ 210 milhões em investimentos por aqui nos próximos cinco anos, com abertura de até 40 unidades.

(Nota publicada na Edição 1136 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Negócio de gente grande

Um dos maiores complexos temáticos do País, o cearense Beach Park deve fechar o ano com crescimento de mais de 20% sobre 2018. O grupo, [...]

Lugar de médico é no shopping

A proliferação das clínicas médicas populares tem levado grandes redes do setor a locais, digamos, pouco convencionais do mercado da [...]

Unidos pelo bilhão

A Duff & Phelps do Brasil, consultoria global de finanças corporativas, e a Kroll, empresa mundial de gestão de riscos e [...]

À procura de imigrantes

Enquanto o Brasil não sabe o que fazer com mais de 11 milhões de desempregados, o Canadá não sabe como preencher suas vagas de [...]

Contrate bem sem olhar a quem

A operação brasileira Oracle, uma das mais importantes da gigante americana de tecnologia, selecionou um recurso da brasileira HRTech [...]
Ver mais