Economia

Segurados que venceram em ações contra o INSS vão receber R$ 2,7 bilhões em precatórios

Crédito: Pedro França/Agência Senado

Presidente do INSS abriu fogo contra peritos da instituição (Crédito: Pedro França/Agência Senado)

Os segurados que venceram ações contra o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão R$ 2,7 bilhões em precatórios liberados pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3). A medida beneficia 25.938 pessoas nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, área de atuação do órgão.

Serão pagas com essa liberação as pessoas com precatório autorizado pela Justiça entre 2 de julho de 2018 e 1º de julho de 2019. Se o pagamento foi autorizado em 2018, o mínimo a receber é R$ 57.240. Já para as autorizações de 2019, o segurado receberá ao menos R$ 59.880. As informações são do jornal A Tribuna.

+ INSS cria alternativa para obter documentos durante pandemia em SP
+ INSS prorroga antecipação do BPC e auxílio-doença até 31 de outubro

Os valores seriam liberados em maio, mas o pagamento foi atrasado em decorrência da pandemia. Para saber se receberá o valor neste lote, o beneficiário pode consultar a disponibilidade no site. A quantia é depositada pelo TRF-3 no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal.

Veja também

+ Sandero deixa VW Polo GTS para trás em comparativo
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial
+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”
+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?