Giro

Satélite brasileiro recém-lançado pode estar sem controle no espaço

Crédito: Divulgação/INPE

Apesar do descontrole, o satélite Amazônia-1 pode voltar a ser estabilizado (Crédito: Divulgação/INPE)

Lançado no último domingo (28) o Amazônia-1, primeiro satélite de sensoriamento do Brasil, já encontra dificuldades no espaço. Isso porque ele pode estar girando sem controle, segundo rastreadores de satélites nos Estados Unidos e na Itália.

Os sinais foram detectados em um intervalo de sete horas entre uma aferição e outra. As irregularidades de sinal são denominadas pelos cientistas como “captações intermitentes”.

+ Primeiro satélite totalmente brasileiro, Amazonia 1 é lançado e opera no espaço
+ Lua de Neve e Chuva de Meteoros, fenômenos astronômicos estão chegando

Segundo a Folha de SP, o primeiro alerta foi feito durante a manhã desta terça-feira (2) e foi disponibilizado no perfil do Twitter do USA Satcom.

Até agora o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), responsável pelo Amazônia-1, não se pronunciou. Apesar de ser um problema neste momento, o satélite pode ser reorientado e voltar à estabilidade.

O satélite custou mais de R$ 380 milhões e está no espaço para monitorar o desmatamento da floresta amazônica. Ele passa pelo Brasil duas vezes por dia – uma vez ao meio dia e outra no meio da noite – e tira foto do solo em uma qualidade de 64 metros por pixel.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel