Economia

Santander leiloa nesta quarta 168 casas, apartamentos e salas. Saiba aqui

Crédito: Divulgação/Zukerman Leilões

Casas, apartamentos e salas comerciais poderão ser negociados no dia 28 de outubro, às 10h, pelo site do leiloeiro ou na página do banco (Crédito: Divulgação/Zukerman Leilões)

A Zukerman Leilões está com 168 unidades disponíveis na campanha “Super Vendas” realizada pelo Santander Brasil. Casas, apartamentos e salas comerciais, ocupados e desocupados poderão ser negociados no dia 28 de outubro, às 10h. Quem está pensando em comprar um imóvel pode encontrar oportunidades com desconto de até  50% do valor do bem.

De acordo com a empresa, há ofertas em 20 estados: Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

+ Bancos leiloam 573 imóveis com desconto de até 60%
+ Startup de leilões de imóveis ajuda investidor a diversificar carteira em meio à crise

Os interessados vão encontrar tanto imóveis residenciais (casas e apartamentos) quanto comerciais (salas).



Entre as unidades disponíveis tem uma casa desocupada de 318 metros quadrados Cristinápolis (SE) por R$ 26.180. O imóvel mais caro do leilão é uma casa também desocupada de 6.064 m2 em Rio de Janeiro por R$ 6,468 milhões.

Os débitos de IPTU e de condomínio serão quitados pelo vendedor até a data do leilão – demais condições e forma de pagamento devem ser observadas no edital de cada lote.

Para participar da negociação e oferecer lances, os interessados devem ou acessar o site do Santander  ou se cadastrar no site da Zukerman Leilões, ler atentamente o edital do imóvel desejado e seguir o passo a passo indicado. Depois de habilitado, basta acessar a plataforma on-line da empresa por meio de um dispositivo com acesso à internet para dar lances e ter a chance de arrematar o imóvel de interesse.

É importante também ficar atento para saber se o site que você está navegando é, de fato, a página oficial do leiloeiro ou do banco. Muitas golpistas aproveitam para dar golpes nos compradores. O Diário do Nordeste listou alguns cuidados para você se proteger contra o golpe do falso leilão:

1 – Utilize soluções de segurança no celular capazes de identificar sites de leilões falsos. Opte sempre por aplicativos que alertam sobre links maliciosos (phishing) recebidos através do WhatsApp, Facebook Messenger, SMS e acessados através do navegador, em tempo real.

2 – Evite fazer o cadastro em sites de leilão sem antes pesquisar por reclamações e verificar se é um site oficial de leilão.

3 – Jamais forneça dados pessoais ou bancários em links ou aplicativos de procedência desconhecida.

3 – Na dúvida, é possível verificar se um link é falso no site do dfndr lab. A checagem de links avisa em poucos segundos se um site pode oferecer alguma característica maliciosa.

Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km