Negócios

Santander anuncia investimento de US$ 22 milhões em tecnologia para os próximos quatro anos

O objetivo é que o dinheiro sirva para desenvolver novas soluções para aumentar rentabilidade, crescimento e eficiência nas operações do Santander

Crédito: Mario Miranda/Reuters

O Santander organizou nesta quarta-feira (3) em Londres, Inglaterra, o seu Investor Day, evento dedicado a apresentar resultados do banco e antecipar os planos para o futuro. Entre as metas e objetivos, o destaque ficou para o anúncio do investimento de US$ 22 milhões (20 milhões de euros) em tecnologia e digitalização para os próximos quatro anos.

O objetivo é que o dinheiro sirva para desenvolver novas soluções para aumentar a rentabilidade, crescimento e eficiência, que causaria um corte de custo anual na casa de US$ 1,3 milhões. Segundo a presidente da companhia, Ana Botín, a digitalização servirá para reduzir custos, melhorar a experiência do cliente e aumentar seu vínculo com o banco.

Ela adiantou que o programa pretende criar um serviço digital de pagamentos com transferências internacionais, uma plataforma de comércio global para pequenas e médias empresas e outra focada em pagamentos via celular e cartões de crédito. A estratégia digital chega em um momento em que o Santander traça uma meta de ter 50 milhões de clientes digitais. Para isso, já anunciou o aumento da porcentagem de rendimento dos dividendos, saindo da faixa de 30% a 40% para 40% a 50%.

O Brasil ganhou destaque especial no evento, já que foi responsável por um terço do lucro global do banco em 2018. Mas a projeção de crescimento deste ano é modesta, girando na casa de 20%.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?