Agronegócio

Safra brasileira de café em 2021 deve diminuir 30% ante 2020, diz associação

São Paulo, 5 – A safra brasileira de café em 2021 deve ser aproximadamente 30% menor do que a colhida em 2020, após o clima desfavorável no ano passado ter prejudicado o desenvolvimento das plantas, disse o presidente da Associação Brasileira de Cafés Especiais, Guilherme Salgado Rezende, na quinta-feira (4).

Chuvas escassas e temperaturas acima da média em regiões de cultivo durante meses vitais para o crescimento das plantas reduziram a produtividade, afirmou Rezende, acrescentando que a decisão subsequente de produtores de poder as plantas mais do que o normal significa que a safra de 2022 também será menor do que a safra recorde de 2020. “É muito tarde para termos em 2022 a mesma produção de 2020, as plantas não vão se recuperar o suficiente”, disse.

Em janeiro, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) disse que a safra 2021 deve fiar entre 43,9 milhões e 49,6 milhões de sacas, o que representaria uma queda entre 21,4% e 30,5% em relação a 2020. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel