Ciência

Rússia exige explicações ao Facebook por bloqueio de contas

Crédito: AFP/Arquivos

O Facebook virou alvo fácil de hackers que roubam dados e vazam informações em fóruns (Crédito: AFP/Arquivos)

A Rússia exigiu, nesta quinta-feira (4), uma explicação ao Facebook depois que a empresa americana afirmou ter desmantelado uma rede de contas russas falsas no Instagram, que tentavam desencorajar os protestos a favor do opositor Alexei Navalny.

O responsável dos meios de comunicação russos Roskomnadzor disse em um comunicado que “enviou à gerência do Facebook uma carta solicitando uma lista das contas que tiveram o acesso restringido e para explicar as razões dos bloqueios”.

Roskomnadzor também exigiu que o Facebook, proprietário do Instagram, forneça provas de que as contas bloqueadas estão realmente envolvidas em “atividades ilegais”.

O Facebook anunciou na quarta-feira que retirou do Instagram 530 contas, seguidas por 55.000 usuários, cujo conteúdo apontava para descredibilizar a oposição russa.

O Facebook atribuiu a rede de contas falsas a “pessoas na Rússia” apesar de não ter identificado com certeza a organização ou as pessoas responsáveis por esta suposta campanha de manipulação, detectada graças aos seus algoritmos e suas equipes de moderadores.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel