Giro

Risco de internação com Ômicron é 40% menor ante Delta, diz estudo

Crédito: Rovena Rosa /Agência Brasil/ Arquivo

Antibióticos foram usados em pelo menos 90% dos casos de Covid-19 (Crédito: Rovena Rosa /Agência Brasil/ Arquivo)



Pacientes com covid-19 infectados pela variante Ômicron têm menor risco de hospitalização do que os que contraíram a Delta, de acordo com pesquisa do Imperial College de Londres divulgada nesta quarta, 22. A chance de internação com a nova cepa do coronavírus é entre 40% e 45% menor. A pesquisa analisou dados de casos confirmados por testes laboratoriais RT-PCR (o molecular, considerado mais preciso) na Inglaterra, entre 1.º e 14 de dezembro. Foram 56 mil diagnósticos de Ômicron e 269 mil de Delta estudados.

Cientistas ainda investigam se as vacinas em uso têm eficácia contra a Ômicron e se a nova versão do coronavírus causa quadros mais graves da doença. Embora haja indícios de que a cepa é mais contagiosa, porém não tão severa, a Organização Mundial da Saúde (OMS) tem alertado sobre os riscos de conclusões precipitadas sobre isso.

China confina 13 milhões; variante ômicron provoca aumento das restrições na Europa

AstraZeneca diz que sua vacina para covid foi eficaz contra Ômicron após 3ª dose

Os pesquisadores do Imperial College disseram que o risco dos pacientes com a nova linhagem terem de ir para o hospital é entre 20% e 25% menor do que os com a variante ainda dominante no mundo.

+ Confira 10 receitas para reaproveitar ou turbinar o arroz do dia a dia


Indivíduos que já foram infectados pelo coronavírus têm risco menor de serem hospitalizados com a Ômicron e de contraírem a cepa originalmente detectada na África do Sul. A chance é entre 50% e 60% menor, apontou o estudo de Londres.

Escape vacinal


Ao mesmo tempo, os cientistas descobriram que “o risco de hospitalização é semelhante para Ômicron e Delta em pessoas com teste positivo para infecção que já receberam ao menos duas doses da vacina”, o que “reflete a redução da eficácia das vacinas contra a Ômicron em comparação à Delta”, disse o Imperial College, em nota. “Porém, o risco de hospitalização em pessoas vacinadas continua sendo menor do que em não vacinadas.”

“Nossa análise fornece evidências de uma redução moderada no risco de hospitalização associada à variante Ômicron”, disse o epidemiologista Neil Ferguson, um dos autores do estudo. O pesquisador acrescentou que, no entanto, “isso parece ser ‘compensado’ pela eficácia reduzida das vacinas contra a infecção” da nova linhagem.

A epidemiologista Azra Ghani afirmou que, mesmo que a redução da chance de internação seja tranquilizadora, o “risco de infecção continua a ser extremamente elevado”. “Com a adição da dose de reforço, as vacinas continuam a oferecer a melhor proteção contra a infecção e a hospitalização”, disse.

Mais estudos

A pesquisa de Londres tem conclusões semelhantes às de um estudo sul-africano divulgado também ontem. A pesquisa indicou que pacientes diagnosticados com a nova cepa na África do Sul, entre 1.º de outubro e 30 de novembro, tiveram 80% menos probabilidade de parar no hospital do que os infectados com outras variantes.

Outro trabalho, realizado pelas universidades escocesas de Edimburgo e Strathclyde, estima que o risco de hospitalização pode ser reduzido em até dois terços com a nova variante, se comparada com a Delta. Os pesquisadores destacam que dados sobre o efeito da Ômicron em pessoas com mais de 60 anos e não vacinados são limitados, porém, a doença parece ser mais grave para eles.

Para chegar aos dados preliminares, o estudo escocês analisou 23.840 casos prováveis de covid causados pela nova cepa. Do total, 15 pacientes foram hospitalizados. Com a Delta, a estimativa de internação indica que seriam 47.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Tópicos

3ª dose astrazenca protege ômicron ações azul Gol coronavírus nova variante África do Sul nova variante Namíbia Lesoto Zimbábue Botsuana Eswatini astrazeneca dose de reforço ômicron B3 ações nova variante Bolsas Ásia Bolsas china brasileiro testa positivo áfrica do sul cepa omicron china confina 500 mil pessoas ômicron China surto ômicron Cidade china milhões de teste Coronavac eficácia ômicron coronavírus CORONAVÍRUS NOVA VARIANTE CORONAVÍRUS/ÔMICRO/INTERNAÇÃO/IMPERIAL COLLEGE/ESTUDO covid covid eua covid europa covid no mundo Covid-19 covid-19 inverno crescimento econômico Delta dose de reforço eficácia das vacinas eficacia das vacinas do covid europa se fecha variante áfrica do sul exame covid faixa etaria vacina covid sp Festival cancelado ômicron imunização Instituto Butantan Israel nova variante Japão suspende reservas voos lentidão vacinação Rússia lockdown medidas preventivas de restrição melhor vacina covid ministério da economia nova cepa variante ômicron município do Rio mutações nova variante nome das vacinas do covid nova cepa nova cepa impacto economia brasileira nova cepa omicron nova variante nova variante 2021 Nova variante África do Sul Nova fronteiras nova variante áfrica do sul tem vacina? Nova variante covid África do Sul nova variante da covid-19 nova variante delta nova variante do coronavírus Nova Variante EUA lockdown Fauci nova variante EUA restrições nova variante quatro continentes novo coronavírus novo virus omicron o que se sabe ômicos casos confirmados ômicro menos grave que delta omicrom omicron omicron alfabeto grego Ômicron ameaça ômicron Argentina primeiro caso ômicron cancelamento carnaval ômicron caso São Paulo infecção local ômicron casos Brasil ômicron casos são Paulo Ômicron confirmada no Distrito Federal Ômicron contágio ômicron coronavac omicron covid Ômicron DF Ômicron Distrito FEderal ômicron duas doses bastam? Ômicron dose de reforço 3ª dose ômicron eficácia vacinas ômicron Estados Unidos Anthony Fauci ômicron estudo ômicron estudo Imperial College ômicron estudo vacinas Ômicron EUA ômicron festas de réveillon ômicron flexibilização São Paulo Ômicron fronteiras ômicron hospitalização delta estudo ômicron impacto mercados financeiros ômicron moderna vacina ineficazes ômicron mutação Ômicron mutações ômicron nova linhagem Ômicron nova variante ômicron nova versão ômicron OMS ameaça mundial Ômicron onde surgiu Ômicron países já atingidos Ômicron poder de infecção ômicron presença países ômicron primeira morte reino Unido ômicron propagação ômicron reforço ômicron reino unido ômicron restrições europa natal fim de ano viagens ômicron restrições natal ômicron são Paulo Máscaras omicron significado grego omicron sintomas ômicron transmissão local ômicron vacinação ômicron vacinas ômicron vacinas dão conta? ômicron volatilidade ações bolsas ômicron volta restrições brasil Ômicron voos países africanos Ômicronimpacto atividade econômica organização mundial da saúde Organização Mundial da Saúde (OMS) para o combate à Covid-19 David Nabarro Organização Pan-Americana da Saúde pandemia pcr covid Pfizer pfizer omicron pode tomar a vacina do covid gripada? por que o ano novo em salvador foi cancelado? por que se comemora o ano novo presidente da Comissão Europeia Ursula von der Leyen variante áfrica do sul programas auxílio nova cepa proteína spike quais os sintomas da nova variante delta quais os sintomas da nova variante Ômicron quais os sintomas da variante delta? qual é o primeiro país a entrar no ano novo? qual é o significado do ano novo qual melhor vacina contra covid? qual melhor vacina covid quanto tempo o covid fica no corpo? quinta onda Covid Recife réveillon Rússia confinamento Rússia recorde de casos Rússia recorde de mortes uso de máscaras vacina vacinal variante variante áfrica do sul variante áfrica do sul ações bola variante áfrica do sul contágio variante áfrica do sul defesa variante África do Sul disseminação variante áfrica do sul eficácia vacinas variante África do Sul Europa variante África do Sul fronteiras variante áfrica do sul impacto bolsas variante África do Sul imunizantes variante áfrica do sul países variante África do Sul países atingidos variante África do Sul pesquisa variante áfrica do sul presença variante áfrica do sul vacinas variante B.1.1.529 África variante B.1.1.529 África do Sul muitas mutações variante coronavirus variante covid-19 variante delta Variante delta 2021 Variante delta Auckland variante delta austrália variante delta brasil Variante delta como testar Variante delta eficácia variante delta mais letal variante delta Nova Zelãndia variante delta países Variante delta rio variante delta Sao Paulo variante delta sintomas Variante delta vacinas variante delta volta variante omicron variante Ômicron no rio variante Ômicron Rio de Janeiro variante omicron sintomas variante omicron vacina vírus