Edição nº 1096 15.11 Ver ediçõs anteriores

Economia

O dinheiro fala

Animados com o enfraquecimento político da presidente Dilma Rousseff, investidores internacionais trazem capital ao mercado, derrubando o dólar e turbinando as ações

O setor produtivo diz basta

Paulo Skaf, presidente da Fiesp, reúne centenas de empresários que defendem a saída de Dilma Rousseff da Presidência. Está em jogo a recuperação da confiança no País

O Brasil pós-Dilma

Com probabilidade de 70% de ocorrer um impeachment, economistas traçam cenário mais otimista para a atividade em 2017

O plano mascarado de Lula

Três semanas após o PT divulgar um plano econômico populista e irresponsável, Dilma nomeia Lula para a Casa Civil. Em vez de salvar, ele pode quebrar o Brasil

Negócios

O truque da Imaginarium

Para enfrentar a crise, a rede catarinense renegocia com fornecedores, substitui importados por nacionais e revê margens de lucro. Resultado: está crescendo na recessão

As novas ideias da Youcom

Apesar da crise que atinge o varejo, a grife de moda jovem da Renner enxerga espaço para multiplicar por dez sua operação. A empresa, no entanto, precisa combinar com os clientes

A revolução americana da JBS

A gestão dos irmãos Batista à frente da maior companhia de proteínas do mundo está transformando o mercado dos EUA. Saiba como o estilo “caipira” conquistou a América

Investidores

Pequena com retorno de gigante

Como a gestora Iporanga fez sua carteira multimercado render quase 60% em 12 meses

Quer dar um tapa?

De olho na legalização de um mercado que poderá movimentar US$ 22 bilhões por ano em 2020 nos Estados Unidos, empreendedores lançam bolsas para negociar maconha

Dólar derrete lucro da Gerdau

Mercado Digital

Para japonês ver

NEC troca o comando, aposta em novas árease volta a lucrar depois de três anos consecutivos de prejuízos

A fome do iFood

Com apenas cinco anos de vida, o aplicativo brasileiro de entrega de comida conquistou 80% do mercado

Dinheiro em AçãoInvestidores

Dólar derrete lucro da Gerdau

Artigo

A volta do cassino na bolsa

O investidor Naji Nahas foi o especulador símbolo até os anos 1990. Agora, a política nacional assume o papel de mexer no comportamento da bolsa de valores

X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.