Geral

Resort nas Maldivas lança pacote de home office de luxo por R$ 123 mil

Crédito: Reprodução / Facebook

O plano, de sete noites para duas pessoas pelo preço de US$ 23.250, inclui uma escrivaninha com vista para o mar (Crédito: Reprodução / Facebook)

O resort Nautilus Maldives, localizado nas Maldivas, anunciou um pacote de home office de luxo. O plano, que pode durar até 21 dias, inclui uma escrivaninha com vista para o mar, um assistente pessoal, bebidas oferecidas o tempo todo e serviço de lavanderia gratuito.

A experiência, no entanto, não é barata. O espaço, que reabriu no dia 1º de setembro, oferece estadias a partir de sete noites para duas pessoas em uma de suas 26 casas de praia pelo preço de US$ 23.250 (cerca de R$ 123 mil na cotação de hoje, 11).

+ Home office com cara de delivery
+ Home office foi adotado por 46% das empresas durante a pandemia

De acordo com reportagem da CNN, os hóspedes em trabalho remoto terão sessões diárias de ioga, exercícios físicos, meditação e um cruzeiro privativo com golfinhos ao pôr do sol a bordo de um dos iates de luxo do resort.

Também há a opção de trabalhar em um banco de areia isolado por algumas horas por dia.

O resort enfatiza que a imigração “e outros processos” para a entrada no país serão tratados em nome dos hóspedes enquanto eles relaxam em um lounge privativo no aeroporto.

As Maldivas estão atualmente abertas a todos os turistas, desde que tenham um teste negativo para a covid-19.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel