Giro

Releitura de clássico dos Beatles, ‘Get Back’ estreia no Disney+

Crédito: Reprodução/YouTube

O documentário "Get Back" mostra o caminho percorrido pelos Beatles para a realização do último show ao vivo do quarteto (Crédito: Reprodução/YouTube)

Estreou nesta quinta-feira (25) o primeiro episódio do documentário “The Beatles: Get Back”, uma releitura do clássico documentário “Let It Be” da banda inglesa, lançado em 1970. Disponível no Disney Plus, este é mais um capítulo do vasto material deixado pelo quarteto de Liverpool e que ganha, anualmente, sempre uma nova edição com novidades preciosas para os fãs.



Você deve estar se perguntando qual é a novidade em um documentário que trabalha em cima do que foi lançado há 51 anos, certo? Peter Jackson, diretor da releitura do documentário que é tido por muitos como o ponto mais baixo da dinâmica entre os Beatles – e, por isso, rejeitado pela crítica e pelos fãs que não apreciam os momentos de tensão entre John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Star – se debruçou sobre mais de 150 horas de áudio e outras 60 horas de vídeo produzidos pela equipe original de 1969.

+ Famosos cobram até R$ 150 mil para irem em festas, diz colunista

A partir de todo esse material completamente inédito, gravados durante janeiro de 1969 e dirigida originalmente por Michael Lindsay-Hogg, Jackson fez um recorte de 8 horas e os separou em três episódios. O primeiro capítulo já está disponível e são 2h36 de conversas e ensaios das sessões do álbum “Let It Be”, que capturam o clima daquele período quase de fim da banda no Twickenham Studios, em Londres.

Veja um trecho do primeiro episódio:



https://www.youtube.com/watch?v=8z5zzKBY5Oc

O trabalho é fruto de 4 anos de edição e restauração do material original e mostra todo o caminho percorrido pelos Beatles para a produção de seu penúltimo álbum (apesar de ter sido o último lançamento do grupo, em 1970, o álbum foi gravado antes de “Abbey Road”, lançado ainda em 1969).

Na gravação original, muitos dos diálogos saem abafados pelo som dos instrumentos e é possível captar a tensão entre os ingleses apenas pela troca de olhares e a aparente ausência de diálogos. Com o trabalho de Peter Jackson e a tecnologia dos nossos tempos, os fãs poderão acompanhar com clareza todos esses diálogos perdidos em 1969 e trancados nos cofres da Apple por quase 50 anos.

Para assistir ao primeiro episódio, clique aqui.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?