Finanças

Regulador chinês diz que abrirá negociações de mais derivativos a estrangeiros

A Comissão Regulatória de Títulos da China (CSRC, a CVM chinesa) informou nesta sexta-feira que passará a permitir que investidores estrangeiros qualificados negociem mais derivativos onshore, incluindo futuros e opções de commodities e opções de índices de ações, a partir de 1º de novembro.



“Como uma medida importante para reformar e abrir o mercado interno de títulos e futuros, ampliar o escopo de investimento para Investidores Estrangeiros Qualificados permitirá uma gestão mais eficiente da alocação de ativos e exposição ao risco, aumentando a atratividade e o alcance global dos mercados de capitais da China para investidores internacionais”, afirmou a entidade em comunicado.

A CSRC ressaltou que a negociação de opções de índices de ações para os investidores estrangeiros ficará limitada para o “propósito único de fazer hedge”.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?