Giro

Receita pega mais mil quilos de cocaína em carga de sucata no Porto de Santos

Em uma ação nesta sexta-feira, 22, no interior de um terminal de contêineres no Porto de Santos, equipes da Alfândega da Receita localizaram 1.162 kg de cocaína escondidos em uma carga de exportação destinada à Europa.

A carga regular era composta por sucata metálica e tinha como destino final o porto de Roterdã, na Holanda, com baldeação em Antuérpia, na Bélgica.

A carga foi selecionada para conferência através de critérios objetivos de análise de risco, incluindo a inspeção não intrusiva por scanner.

O cão de faro da Receita sinalizou positivamente para a presença de drogas e, aberto o contêiner, foram encontradas, em meio à sucata, 34 bolsas esportivas envoltas em papel aluminizado, contendo diversos tabletes de cocaína.

Com esta localização, a Alfândega da Receita em Santos atingiu a marca histórica de 23.942 kg quilos de cocaína, superando a quantidade localizada no ano de 2018 (23.118,76kg), que era recorde até então.

A droga interceptada pela Receita foi entregue à Polícia Federal, que acompanhou a operação a partir de sua localização e prosseguirá com as investigações a partir das informações fornecidas pela Alfândega.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?