Investidores

R$ 210,00

Foi o preço de fechamento do grama do ouro no mercado à vista na B3 na quarta-feira 7, alta de 8,8% em relação à véspera e nível mais alto em termos nominais desde o início do Plano Real, em 1994. A alta seguiu-se à valorização do metal nos mercados internacionais. Em Londres, a onça-troy (31,1 gramas) fechou a US$ 1.503 na quarta-feira 7. Foi uma alta de 2% em relação à véspera e a cotação mais elevada desde abril de 2013. O ouro vem sustentando altas consecutivas de preços nos últimos meses devido à queda de juros nos países desenvolvidos. O acirramento da disputa comercial entre Estados Unidos e China desde os primeiros dias de agosto fez os investidores buscarem refúgio em ativos reais, e o ouro é uma das alternativas mais populares. Segundo um relatório do banco alemão Commerzbank, bastante ativo no mercado do metal, as cotações poderão manter sua tendência de alta nos mercados internacionais devido à crescente aversão a risco dos investidores. “A demanda por ouro deverá permanecer elevada e o metal é visto como um porto seguro, especialmente nas condições atuais do mercado de moedas”, escreveram eles.

 

Verdinhas desbotadas

Perda de valor do dólar em relação às demais moedas entre 1º e 7 de agosto (em %)

Entre os dias 1º e 7 de agosto, o dólar se valorizou em relação ao Yuan, a moeda chinesa. O mesmo não ocorreu com a taxa de câmbio entre as demais moedas relevantes. Apesar de relativamente pequena em termos absolutos, a depreciação do dólar mostra a preocupação dos investidores com relação às perspectivas para a economia americana.

 

R$ 11,4 bilhões

É o patrimônio dos planos instituídos de previdência complementar fechada, segundo os dados mais recentes da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp), que representa o setor. Há seis anos, o patrimônio desses planos era de R$ 2,4 bilhões. O número de participantes cresceu no mesmo intervalo de 200 mil para 420 mil. Esses planos são formados principalmente por entidades ligadas ao funcionalismo público federal estadual e municipal. Em novembro do ano passado a Abrapp aprovou a inclusão de familiares de participantes nos planos – a associação estima um potencial de atrair em média 1,5 novo participante para cada um dos atuais ativos e assistidos do sistema. “Podemos, no curto e médio prazo, sair do total de 3,5 milhões de participantes do sistema da previdência fechada como um todo para mais de 8,5 milhões”, diz Luís Ricardo Martins, presidente da Abrapp.

R$ 161,7 bilhões

Foi a captação líquida da indústria de fundos de investimento de janeiro a julho, um crescimento de 226% na comparação com o mesmo período do ano passado (R$ 49,6 bilhões). Os fundos multimercados e de ações lideraram a captação nos sete meses do ano, com entradas de R$ 37,9 bilhões e R$ 32,6 bilhões, respectivamente. Apenas em julho, a captação líquida atingiu R$ 22,5 bilhões, seguindo o mesmo padrão do ano, com multimercados (R$ 16 bilhões) e ações (R$ 6,7 bilhões) liderando a preferência dos investidores. O avanço da reforma da previdência na Câmara dos Deputados e a confirmação de um ambiente de juros menores sustentaram a atratividade dos fundos, diz a Anbima.