Quer sumir nas próximas férias? Saia do planeta

No ano passado, a startup californiana Orion Space anunciou o lançamento da Aurora Station, que ficará na órbita baixa da Terra e que tem capacidade para receber quatro turistas por mês. Agora, porém, a brincadeira fica séria com o lançamento da The Von Braun Rotating Space Station, batizada em homenagem ao cientista espacial alemão Werner von Braun, que começa a funcionar em 2025. A ideia de uma estação espacial que gira em torno de si mesma para produzir gravidade artificial foi elaborada por Werner von Braun nos anos 50 e inspirou o filme “2001: Uma Odisseia no Espaço”, de Stanley Kubrick, baseado na obra de Arthur C. Clarke. Agora, o projeto vai virar realidade graças à empresa Gateway Foundation. A estação será equipada com quartos de luxo, restaurantes e escritórios e pode abrigar até 30 mil pessoas por ano, entre turistas e pesquisadores. O valor da hospedagem, no entanto, ainda não foi revelado pela empresa.

(Nota publicada na Edição 1138 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Para sentir na pele

Uma das líderes mundiais no mercado de beleza de luxo, com quase 70 anos de tradição, a francesa Clarins está lançando dois novos [...]

O uísque de R$ 72 mil

Há dois anos a Destilaria Buffalo Trace lançou 700 garrafas – produzidas em vidro artesanal – do uísque Old Rip Van Winkle 25 anos, a [...]

Amazônia 5 estrelas

Eleita pelo Lonely Planet um dos destinos em alta para 2020, a Amazônia, com toda a sua riqueza natural e paisagens exuberantes, ainda [...]

Dos pulsos para os olhos

Considerada uma das mais elegantes grifes de relógios do mundo, a Omega aplicou todo o talento dos seus designers para criar uma nova [...]

Que tal alugar o iate da Beyoncé? É só pagar R$ 2 milhões por semana

Divulgação Já pensou, você passar uma semana navegando pelos mares no iate do casal Beyoncé e Jay-Z? Claro que não! Mas não custa [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.